Visão – Caminho para um ministério bem sucedido

Texto: Gênesis 15: 1-6; Provérbios 29:18 e Lamentações 2:9b



Introdução

Uma das coisas mais importantes na vida de uma pessoa é a visão. Sem visão não podemos viver uma vida bem sucedida. Por isso precisamos ter uma visão correta de Deus, de seu reino e da vida cristã. As pessoas que foram usadas de forma esplêndida, antes tiveram a visão. Deus lhes deu visão antes de usá-las. Abraão…olha para o céu e conta as estrelas, se as podes contar. Tornou-se o pai da fé. José…teve sonhos de grandeza e tornou-se governador no Egito. Salvou aquela civilização da morte- provendo para todos o alimento. Daniel… viu as setenta semanas. É o profeta apocalíptico. Paulo…foi levado até o terceiro céu. Foi o maior de todos os missionários. Mas estas pessoas tiveram que pagar um alto preço; foram provadas, sofreram injurias, mas nunca desistiram da caminhada rumo ao alvo. Sabem por quê? Por causa da visão. Quem tem visão tem alvos, e quem tem alvos, persegue-os até o fim. Por isso, uma das coisas mais importante na capacitação do cristão é dar-lhe visão, e esse trabalho leva tempo; é trabalho árduo. Jesus levou três anos para passar aos discípulos a visão. Usaremos desta feita o exemplo de Abraão. Depois que o Senhor o chamou, convocando-o a deixar sua terra e parentela, saiu pela fé, sem saber para onde ia. Gênesis 12:1-4. Mas Deus lhe fez promessas. 1o – A promessa de fazê-lo uma grande nação… não tinha filhos e nem idade para tê-los. 2o – A promessa de abençoar todas as famílias da terra através de sua família. Abraão creu, mesmo contra as possibilidades de acontecer o que Deus lhe prometera. Por isso é chamado de pai dos crentes. Esta promessa lhe fora feita quando contava com 75 anos e Sara, sua esposa 65 anos. Depois de alguns anos Sara vacilou em sua confiança e tentou ajudar Deus cumprir a promessa dando a Abraão sua serva Agar….mas Deus lhe disse que a promessa não se cumprira com Ismael. (todos os árabes que aceitam a doutrina maometana alegam descender de Ismael, portanto herdeiros da promessa). Eis o grande problema criado por Sara, e até hoje não foi resolvido entre Israelitas e Árabes. Abraão e Sara viveram um momento de crise em sua vida de fé. E Deus interviu convocando Abraão para que saísse de sua casa e olhasse para o céu, e contasse as estrelas se o pudesse fazer. Depois disse: “Assim será a tua descendência e creu ele no Senhor.” V.6 Mas quem pode contar as estrelas? A olho nu, diz a ciência, que podemos ver apenas 3000 estrelas. Com Galileu e a descoberta do radio telescópio, podemos chegar à visão de 90.000 estrelas. Mas no tempo de Abraão, aproximadamente 2000 anos antes de Cristo, não havia radiotelescópio, mas pela fé, Abraão viu milhões de estrelas, e assim foi sua descendência. Deus havia dito: “Assim será a tua descendência…de acordo com tua visão.” V.5. ASSIM, quer dizer, de acordo com tua visão. Deus tinha algo especial para realizar através de Abraão, e realizou, porque ele creu. Deus capacitou Abraão, para que ele fosse uma bênção. Como?

I- Deus lhe deu uma visão elevada. Uma grande visão


Deus quer que tenhamos visão elevada, alta, grande, para que não nos amesquinhemos com coisas pequenas. Ele deseja que tenhamos ambições sadias….na profissão, no ministério, na família e pessoalmente, devemos ter a visão de Deus. Devemos estabelecer alvos. Se você acha que vai fracassar, assim será! Já fracassou. Em se tratando de ministérios, há muitos ministérios reduzidos, e outros com repercussão mundial. A diferença não está em Deus, que é o mesmo. A diferença está na visão. Uma pessoa vai até onde sua visão alcança. Quando Abraão estava dentro de sua casa, sua visão era pequena, curta, o chão e o teto; e estava desanimado com as promessas, duvidando. Então Deus o chamou para fora das quatro paredes de sua casa. “Então o conduziu para fora e disse: Olha para o céu.” V.5. Deus lhe disse: pare de olhar para o chão, levanta a cabeça…olhe para o céu, olhe para mim. Pare de olhar para as circunstâncias da vida e olhe para o poder de Deus. “Para Deus não haverá impossível em todas as suas promessas” Lc. 1:37. Em Lucas 13: 10-13 Jesus curou uma mulher possessa que andava encurvada, havia 18 anos. Dezoito anos olhando para o chão e Jesus lhe disse: endireita-te. Agora sua visão fora elevada. O maior estrago que satanás faz na vida de uma pessoa ou Igreja é encurvá-la para que não tenha visão. Mas Deus diz: Olha para o céu. Deus nos convoca nesta hora para que elevemos nossa visão, olhando para o céu, olhando para Ele mesmo, o todo poderoso. Quando alguém vai fazer algo, precisa ter uma visão elevada. Se achar que algo não vai dar certo—já não deu. Não vai acontecer nada, porque você só vai até onde sua visão alcança. “onde não há visão o povo se corrompe” Prov. 29:18. No reino de Deus não há lugar para pessoas pessimistas. Podemos nos reportar ao envio dos 12 espias à terra prometida. Todos viram a mesma coisa, mas apenas dois entraram na terra. Os 10 pessimistas, sem visão morreram no deserto. Deus tem muita coisa para fazer através de você…mas depende de sua fé. Comece a contar as estrelas, mas olhe além das nuvens, olhe para Deus, creia nas promessas de Deus. Quando a JMN nos enviou para o Vale do Piancó, sabíamos que estávamos pisando em terra difícil. O evangelho era descriminado e os crentes ridicularizados. Era considerada, na época, a região mais difícil do estado. Economicamente, uma miséria; criminalidade assustadora; mas saímos do Rio de Janeiro na certeza de que Deus nos daria muita gente naquela região. Vidas seriam transformadas e viajamos crendo nas promessas de Deus. Em 11/84 visitamos a região e pela fé víamos uma Igreja em cada cidade, muita gente aceitando Jesus. Hoje isso é uma realidade. Da região mais desprezada da Paraíba Deus tem levantado homens e mulheres, centenas de pessoas, dezenas de líderes capazes. Em tudo que vamos fazer, precisamos crer nas promessas de Deus e sair…fazer a obra para a qual nos convocou.

II- Precisamos trabalhar sempre. Contar estrelas é um trabalho infindável

“Grande e extensa é a obra” Deus nos chamou para um trabalho sem fim. “Não será aqui o vosso descanso”. Deus mandou Abraão contar estrelas, e esse é um trabalho extenso, que não tem fim. Assim é nosso trabalho no reino; precisamos trabalhar sempre; nosso trabalho não pode ser fogo de palha e nem podemos fazer a obra do Senhor relaxadamente. Se queremos sucesso, não podemos parar no meio do caminho. Devemos aceitar cada desafio que se nos apresenta, ter visão Divina e trabalhar sempre. Se queremos sucesso precisamos tirar de nosso vocabulário as expressões: Não vou conseguir, não vai dar certo, isso não funciona, e similares. Se Abraão tivesse dito alguém que o Senhor o havia mandado contar as estrelas do céu; e que sua descendência seria como as estrelas do céu; certamente o chamariam de louco. Pois Abraão não tinha filhos, e nem idade para tê-los. Mas é no impossível que Deus age. Às vezes temos medo de ir em busca daquilo que Deus prometeu, por causa do julgamento das pessoas. Não fique preocupado com aquilo que os outros vão pensar ou dizer, crê somente. A construção do templo de Itaporanga. A entrada média mensal da Igreja era de R$ 1.800,00 quase todo comprometido com despesas internas e obra missionária na região. Construímos um templo de R$ 80.000,00 em menos de três anos e não faltou dinheiro, nunca atrasamos uma conta sequer. Não deixamos de enviar plano cooperativo, e durante o período levantamos as três ofertas missionárias a cada ano. Uma loucura aos olhos humanos, porque a Igreja não teria humanamente falando, recursos financeiros para esta obra. Mas Deus nos deu essa visão e a Igreja aceitou e todos os membros se envolveram como se fosse a construção de sua próprias casas. Investiram tudo que puderam. Deus prometeu abençoar o esforço de seu povo. Todos trabalharam sempre, até a conclusão da obra.

III- Sempre aparecem obstáculos para tirar nossa visão

1- A visão humana- As coisas de Deus não podem ser baseadas na visão humana, porque nossa visão é muito limitada, não vemos muito longe…principalmente se estamos olhando para o chão, para as circunstancias da vida. Na época de Abraão só era possível ver 3000 estrelas; não havia o radiotelescópio. Para Abraão ter uma descendência de 3000 pessoas já se constituía um grande milagre, pelas circunstâncias de sua vida. Estava com 100 anos e não havia mais condições de ter filhos. Por isso Sara riu diante da promessa. Mas precisamos lembrar que o que a visão humana vê não é tudo…precisamos viver confiados no poder de Deus. 2- Os recursos humanos- Com Galileu e a descoberta do radiotelescópio possibilitou a visão de 90.000 estrelas, mas ainda era muito pouco para Abraão, Deus queria muito mais dele e sua descendência foi muito maior do que o radiotelescópio podia lhe mostrar. Abraão viu mais usando a fé do que Galileu com o radiotelescópio. Não podemos limitar nossa visão a recursos humanos apenas. Precisamos ir mais longe. Veja o tamanho da visão de Abraão, testemunhada por Jesus em João 8:56 “Vosso pai Abraão alegrou-se por ver o meu dia, viu-o e regozijou-se.” Abraão viu Cristo, 2000 anos à frente. Não se limite pelas perspectivas humanas; tente ver aquilo que Deus tem para você; ande um passo após outro; um degrau após outro, mas sempre olhando para o alto, sempre olhando para Jesus. “Pois o mundo ainda está para ver o que Deus pode fazer através de um homem ou mulher que a Ele se entregue totalmente”. Você pode ser esta pessoa, acredite nisto, e vá em frente…

IV- Elementos que nos ajudam a viver vitoriosos

1- Ter um coração esperançoso- precisamos aprender a ver além da realidade, além daquilo que a realidade pode vir a ser. “E falaram a toda congregação dos filhos de Israel, dizendo: A terra pelo meio da qual passamos a espiar é terra muitíssimo boa. Se o Senhor se agradar de nós, então, nos fará entrar nessa terra e no-la dará, terra que mana leite e mel.” Números 14: 7,8. A visão dos 10 espias está em Número 13: 27,28. 2- Ter uma atitude perseverante. Abraão Lincoln é um grande exemplo de perseverança em busca de um alvo. Primeiro candidatou-se a deputado e perdeu. Depois candidatou-se a prefeito e perdeu. Tentou ser senador e perdeu. Então concorreu a governador e perdeu. Finalmente candidatou-se a presidente e ganhou. Sua perseverança o empurrou para cima. Foi um dos melhores presidentes que os EUA teve. Então, quem perdeu foi o povo. 3- Ser animado pelas promessas de Deus. As promessas regenoveceram a Josué e Calebe. Poderiam pensar que não teriam idade para gozar as promessas de Deus, mas o cumprimento veio na hora certa. “Nenhum deles verá a terra que, com juramento, prometi a seus pais, sim, nenhum daqueles que me desprezaram a verá.” Números 14:23. 3- Ter razões específicas pelas quais lutar. Josué e Calebe tinham um alvo; acreditaram, lutaram e conquistaram a vitória.

Conclusão

Você pode mudar sua atitude diante dos desafios do dia a dia, com fé, perseverança e esperança, alcançando em Deus vitórias… Deus quer que você olhe para Ele, e prossiga em direção ao alvo. Vamos até onde vai nossa visão. Se lhe falta a visão, peça-a a Deus. Não podemos ser úteis no reino se nos falta a visão, nos tornamos pessoas sem rumo. Jesus trabalhou três anos com um grupo de 12, dando-lhes a visão necessária para que pudessem prosseguir na caminhada. Lhes deu visão de si mesmo, de Deus, do reino e da obra. Isso chama-se capacitação para o trabalho. Se queremos idênticos resultados, precisamos percorrer o mesmo caminho. O apóstolo Pedro só mudou de atitude depois da visão do lençol. Antes achava que o evangelho era só para Judeus, depois entendeu que o evangelho era para o mundo todo. Visão não se empurra garganta a baixo, visão se passa com o ensino.

 

Pr.Cirino Refosco
cirinorefosco@pibja.org

No comments yet... Be the first to leave a reply!


Warning: implode() [function.implode]: Invalid arguments passed in /home/storage/5/af/49/pibja1/public_html/extra/sermoesonline/wp-content/themes/headlines/single.php on line 85
mais sermões
anúncios